IMPRENSA E POLÍTICA EXTERNA: O ABC COLOR E AS RENEGOCIAÇÕES DO ACORDO DE ITAIPU (2008-2011)

  • Adriano de Freixo Universidade Federal Fluminense - UFF
  • Gulherme Sobrinho Lopes Rodrigues Universidade Federal Fluminense - UFF
Palavras-chave: Imprensa, Relaões Brasil-Paraguai, Tratado de Itaipu

Resumo

A campanha presidencial de Fernando Lugo, em 2008, trouxe como proposta a renegociação do Tratado de Itaipu, o que acabaria levando à assinatura de um novo acordo entre Paraguai e Brasil, em 2009. Porém, o longo intervalo entre a assinatura do acordo e sua ratificação pelo Congresso brasileiro abalou a credibilidade política do Brasil no país vizinho, alimentando no Paraguai um discurso antibrasileiro, observável na mídia local. Neste artigo procuramos analisar a cobertura do ABC Color sobre a questão, entendendo o jornal como um ator relevante na política paraguaia, a partir da compreensão da mídia para além da reprodutibilidade informacionalRecebido em: 05 maio 2015Aceito em: 04 outubro 2015

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriano de Freixo, Universidade Federal Fluminense - UFF
Doutor em História Social pela UFRJ e professor do Departamento de Estudos Estratégicos e Relações Internacionais da Universidade Federal Fluminense (UFF), onde coordena o curso de graduação em Relações Internacionais e o Laboratório de Estudos sobre a Política Externa Brasileira – LEPEB, atuando também nos Programas de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos (PPGEST) e Ciência Política (PPGCP)
Gulherme Sobrinho Lopes Rodrigues, Universidade Federal Fluminense - UFF
Graduado em Relações Internacionais (UFF) e Mestrando em Ciência Política (UFF)

Referências

BLANCO, Luis F. 2009. O Novo Acordo Brasil-Paraguai e a renegociação do tratado de Itaipu. Enfim uma postura de liderança sub-regional? Rio de Janeiro: Fundação Konrad Adenauer.

CARDOSO, Guilherme R. 2011. A Energia dos Vizinhos: uma análise da Política Externa do governo Lula na “nacionalização” do gás boliviano e nas alterações do Tratado de Itaipu. Dissertação de Mestrado em Relações Internacionais. Rio de Janeiro: IRI-PUC.

GILBOA, Eytan. 2002. Global Communication and Foreign Policy. Journal of Communication, v. 52, iss.4, p. 731-748.

HILL, Christopher. 2002. The changing politics of foreign policy. Nova York: Palgrave MacMillan.

HIRST, Monica. 2006. As relações Brasil-paraguai: baixos incentivos no latu e strictu sensu. Política Externa. São Paulo, v. 14, p. 11-21.

LIPPMANN, Walter. 1997. Public opinion. New Brunswick, Transaction Publishers.

MCCOMBS, Maxwell.; SHAW, Donald. 1972. The agenda-setting function of mass media.Public Opinion Quaterly, vol. 36, nº 2. New York, pp. 176-87.

NACOS, Briggite L., SHAPIRO, Robert Y. e ISERNIA, Pierangelo. 2000. Old or New Ball Game? Mass Media, Public Opinion, and Foreign Policy in the Post–Cold War World. Decisionmaking in a Glass House. Lanham, MA: Rowman & Littlefield.

NAVEH, Chanan. 2002. The Role of the Media in Foreign Policy Decision-Making: a Theoretical Fremework. Conflict & communication online, Vol. 1, No. 2.

PECEQUILO, Cristina S. e HAGE, José Alexandre A. 2007. Dilemas Sul-Americanos: o Brasil, o Paraguai e Itaipu. Meridiano 47, n. 84, p.7-9.

POWLICK, Philip. 1995. The sources of public opinion for American Foreign Policy Officials. International Studies Quarterly, n. 39, p. 427-451.

PEDONE, Luiz. 1989. State autonomy, political power, and public policy: a study of Brazilian development. Tese de Doutorado em Ciência Política. Amherst, MA: University of Massachussetts.

RUIZ-CARO, Ariela. 2006. Cooperación e integración energética em América Latina y el Caribe. Serie Recursos Naturales e Infraestructura n 106. Santiago do Chile: CEPAL.

SEIB, Philip. 1997. Headline diplomacy: how news coverage affects foreign policy. Westport, CT: Praeger Publishers.

SILVA, André Luiz Reis da e RODRIGUES, Kamila Dalbem . 2010. As relações Brasil-Paraguai com a ascensão de Fernando Lugo. Conjuntura Austral, v. 1, p. 13-18.

SOROKA, Stuart. 2002. Media, Public Opinion and Foreign Policy. Harvard International Journal of Press and Politics, vol. 8, n. 1, p. 27-48.

VALENZUELA, Sebastián. 2009. Variations in Media Priming: The moderating Role of Knowledge, Interest, News Attetion, and Discussion. Journalism & Mass Communication Quarterly, Vol. 86, No. 4, pp.756-774.

Publicado
01-12-2014
Como Citar
de Freixo, A., & Lopes Rodrigues, G. S. (2014). IMPRENSA E POLÍTICA EXTERNA: O ABC COLOR E AS RENEGOCIAÇÕES DO ACORDO DE ITAIPU (2008-2011). Carta Internacional, 9(2), 109-124. Recuperado de https://www.cartainternacional.abri.org.br/Carta/article/view/114
Seção
Artigos