Um debate acerca do padrão decisório em política externa no Brasil

  • Ariane Roder Figueira Associação Brasileira de Relações Internacionais (ABRI)

Resumo

O propósito desse artigo é compreender como se estrutura o processo de tomada de decisões em política externa no Brasil, não a partir da análise de seus microfundamentos, ou seja, como cada temática em particular é decidida no campo da política externa, mas sim conduzir a avaliação para uma abordagem mais macro, estrutural, que possibilite avaliar o comportamento dos atores com capacidade decisória. Após o levantamento de dados qualitativos e quatitativos para o período compreendido entre 1988-2007, as conclusões alcançadas indicaram um crescente aumento da participação de outros atores (Presidência da República, demais Ministérios e Congresso Nacional) em questões de política externa. A participação de um maior número de atores vem levando a uma mudança no padrão decisório dessa área no Brasil, anteriormente caracterizado como insulado e altamente concentrado no Itamaraty.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
13-09-2016
Como Citar
Figueira, A. R. (2016). Um debate acerca do padrão decisório em política externa no Brasil. Carta Internacional, 5(1), 38-52. Recuperado de https://www.cartainternacional.abri.org.br/Carta/article/view/528
Seção
Artigos