Os think tanks brasileiros e a agenda de política externa de Lula da Silva e Rousseff para a África

  • Camille Amorim PPGEEI/UFRGS
  • André Luiz Reis da Silva PPGEEI/UFRGS

Resumo

A fundamentação teórica sobre os think tanks segue arraigada à experiência pioneira estadunidense como tipo ideal, embora estudos de caso, vide Reino Unido, França e mesmo Brasil, mostrem situações distintas. Este trabalho propõe, considerando o objetivo de tais instituições de influenciar e modelar ação de atores políticos com base em sua expertise, adentrar na produção ideacional contemporânea dos think tanks brasileiros sobre as relações Brasil-África durante os governos Lula da Silva e Rousseff 3. Uma revisão teórica sobre os think tanks é seguida da apresentação do conteúdo das produções de CEBRI, BPC, Igarapé e IPEAacerca da agenda brasileira para África. A pesquisa está centrada em produção escrita, artigos, relatórios mais detalhados sobre o continente, considerando como ponto de convergência entre as produções os tópicos de cooperação sul-sul e oportunidade de internacionalização para as empresas brasileiras. Apesar da importância da África para o período analisado, o tema aparece restrito a poucos think tanks, que apontam para continuidade discursiva entre as gestões de ambos os governos, sendo, este último, responsável pelo redirecionamento estratégico, prevalecendo as relações empresariais a despeito da cooperação sul-sul.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Camille Amorim, PPGEEI/UFRGS
Mestranda pelo PPG em Estudos Estratégicos Internacionais/UFRGS. Especialista em Estratégia e Relações Internacionais Contemporâneas pela UFRGS. Bolsista de mestrado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – Brasil (CAPES). Email: camille.amorim@gmail.com Lattes: http://lattes.cnpq.br/7184366394168963
André Luiz Reis da Silva, PPGEEI/UFRGS
Doutor em Ciência Política. Pós-doutorado na School of Oriental and African Studies/University of London. Professor dos PPGs em Estudos Estratégicos Internacionais e Ciência Política da UFRGS/Brasil. Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq (PQ2). Email: reisdasilva@hotmail.com. Lattes: http://lattes.cnpq.br/6302611515385123
Publicado
03-04-2020
Como Citar
Amorim, C., & Reis da Silva, A. L. (2020). Os think tanks brasileiros e a agenda de política externa de Lula da Silva e Rousseff para a África. Carta Internacional, 15(1). https://doi.org/10.21530/ci.v15n1.2020.964